+ Notícias

  • Crédito: FIVB

    Foro Itálico, em Roma, que receberá o Mundial em 2022.
  • Crédito: FIVB

    Foro Itálico, em Roma, que receberá o Mundial em 2022.

Mundial de Roma 2021 adiado

Mundial é transferido para 2022, fugindo do cnflito com os Jogos Olímpicos de Tóquio
Por: Redação e agências - 23/04/2020 15:05:13
1.261 visualizações

A FIVB anunciou que o Campeonato Mundial de Vôlei de Praia 2021 que seria realizado em Roma, na Itália, foi remarcado para junho de 2022, devido a mudanças significativas no calendário esportivo global após o adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, devido à pandemia global de coronavírus.

O Campeonato Mundial de Vôlei de Praia de 2021 foi originalmente agendado para o verão em Roma, Itália, como parte de um acordo conjunto entre a FIVB, o Comitê Olímpico Nacional da Itália (CONI), Sport e Salute e a Federação Italiana de Vôlei (FIPAV). No entanto, após o reagendamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, uma revisão meticulosa do impacto subsequente no calendário esportivo do próximo ano e uma consulta estreita com o Conselho de Administração da FIVB, todas as partes concordaram que o reagendamento do evento para junho de 2022 é a solução ideal para garantir um evento espetacular.

O Campeonato Mundial permanecerá na capital italiana, uma cidade que provou continuamente suas credenciais, realizando muitos eventos distintos em seu famoso local, o Foro Italico. No ano passado, Roma recebeu milhares de fãs por uma incrivelmente bem-sucedida etapa do World Tour Finals, que gerou mais de 36 milhões de impressões nas mídias sociais e foi transmitida ao vivo para mais de 70 países.

“Acreditamos que remarcar o Campeonato Mundial de Voleibol de Praia 2021, que aconteceria em Roma, foi a melhor solução diante do adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Também estamos muito satisfeitos que esse evento permaneça na Itália, um país com uma orgulhosa história esportiva. Roma sediou um Campeonato Mundial de Voleibol de Praia com muito sucesso em 2011, e estamos extremamente orgulhosos de trazer este prestigiado torneio de volta ao país. Talvez tenhamos que esperar um pouco mais agora para coroar nossos novos campeões mundiais de vôlei de praia, mas sem dúvida valerá a pena esperar para vermos os melhores jogadores se enfrentarem em 2022”, disse o presidente da FIVB Ary Graça.

 


Gol Linhas Aéreas Nissan
Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade