Circuito Brasileiro

  • Crédito: CBV.

    Maria Elisa é Carol Solberg começaram com o pé direito o SuperPraia.

Maria Elisa/Carol vence na estreia do SuperPraia

Em duelo entre irmãs, dupla campeã nacional derrota Maria Clara e Elize Maia em Brasília
Por: Redação - 26/04/2018 18:26:09

O SuperPraia 2018 começou nesta quinta-feira, em Brasília, no Distrito Federal, com jogos pelo torneio feminino. Foram disputadas oito partidas na arena montada nos arredores do estádio Mané Garrincha, com entrada franca aos torcedores. Destaque para um duelo em família em que as campeãs brasileiras Maria Elisa e Carol Solberg levaram a melhor. 

As partidas continuam nesta sexta-feira, com a sequência da fase de grupos e a repescagem do torneio feminino, além de toda a fase de grupos do torneio masculino. 

Embaladas pela conquista do título brasileiro, Maria Elisa e Carol Solberg fizeram uma das melhores partidas do dia. Do outro lado, Carol enfrentou a irmã Maria Clara, que estreia em Brasília a parceria com Elize Maia. No duelo familiar, melhor para Carol, que venceu por 2 sets a 0 (22/20 e 21/18) e comentou a vitória na estreia.

“Jogar contra minha irmã sempre será estranho, pode passar o tempo, mas esse sentimento de ‘aperto’ nunca vai mudar. Não é tão confortável. Mas damos risada depois, brincamos uma com a outra. Achei que ela jogou muito bem, anotou todos os pontos quando atacou. Elas são um time novo, que vai evoluir. Eu comecei com dificuldades no passe, após corrigir esse fundamento, meu jogo fluiu bem mais. Nos conhecemos muito, então sempre será duro. É bom quando fazemos bons jogos, em que ambas jogaram bem”, analisou.

Quem também começou com vitória importante foi a dupla Lili e Josi , que superou Sandressa e Neide, por 2 sets a 1 (21/17, 17/21 e 15/10). Elas decidem a liderança do grupo nesta sexta-feira, contra Andrezza e Rachel. Lili analisou a partida em que enfrentou uma ex-parceira e comentou sobre o sistema defensivo da dupla.

"É sempre bom começar vencendo. Foi um jogo duro, Neide e eu treinamos juntas e nos conhecemos muito bem. Acho que o que prevaleceu no final foi a nossa confiança e nossa vontade. Tivemos momentos difíceis, o passe fica mais complicado. Tivemos que nos adaptar ao longo do jogo. Fizemos um primeiro set muito bom, mas deixamos o ritmo cair no segundo. Conseguimos nos reerguer no tiebreak , quando praticamente não cometemos erros. Temos nosso sistema defensivo muito forte, e quando nossa virada de bola funciona, dificultamos bastante. É o que esperamos continuar fazendo", declarou.

Também largaram com vitória nesta quinta-feira as duplas Val/Ângela, Taiana/Carol Horta, Aline/Diana, Fernanda Berti/Bárbara Seixas, Andrezza/Rachel e Renata/Izabel.

Cada dupla joga mais uma vez pela fase de grupos no naipe feminino nesta sexta-feira. Os times vencedores da primeira rodada de cada grupo se enfrentam, e perdedores encaram os perdedores da primeira rodada. Os primeiros colocados vão direto para as quartas de final, enquanto segundos e terceiros disputam a repescagem.


Gol Linhas Aéreas Nissan
Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade