Circuito Brasileiro

  • Crédito: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

    Talita e Carol Solberg vibram com chance de conquistar primeiro título da nova parceria.

Talita/Carol Solberg e Ana Patrícia/Rebecca na final

Invictas, parceria estreante e olímpicas decidem Open de João Pessoa neste domingo
Por: Redação, com assessoria/CBV - 25/01/2020 19:07:42
248 visualizações

Uma dupla estreando a formação e um time olímpico, já garantido nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, farão a decisão da etapa de João Pessoa (PB) do Circuito Brasileiro Open, a quarta da temporada 2019/20. No primeiro evento juntas, Talita e Carol Solberg alcançaram a final e encaram Ana Patrícia e Rebecca neste domingo (26), às 10h, com transmissão ao vivo do SporTV 2. Ambos os times alcançam a disputa pela medalha de ouro de maneira invicta, com cinco vitórias em cinco jogos na areia da Praia do Cabo Branco.

Além da disputa do ouro, antes, a partir das 8h30, ocorre também o duelo pelo bronze, com Juliana/Josi enfrentando Fernanda Berti/Taiana por um lugar ao pódio.

A etapa de João Pessoa é a primeira que a dupla formada por Carol e Talita participa desde que começaram a treinar juntas, no início deste ano. Para Carol, a mudança de parceira e de função - ela agora joga revezando na defesa, enquanto antes atuava somente no bloqueio - ainda está em fase de adaptação, mas não falta vontade para as jogadoras. Na semifinal elas superaram Fernanda Berti/Taiana (RJ/CE) por 2 sets a 1 (21/19, 18/21 e 16/14).

"Eu estava tentando não criar muitas expectativas, queria jogar me divertindo. Nós treinamos duas semanas e esse tempo claramente não é o suficiente para apresentar o melhor da dupla, tínhamos consciência disso. Mas somos duas atletas muito competitivas, e entramos na competição querendo ganhar, então fomos com muita vontade. Fomos nos conhecendo melhor, e nesta semifinal já atuamos melhor que no primeiro jogo. João Pessoa é sempre especial. A galera comparece em peso, a arena está sempre lotada, então é claro que isso fica marcado, deixa tudo especial, sem a menor dúvida", contou Carol.

Já garantidas em Tóquio, Ana Patrícia e Rebecca optaram por começar a competir antes que os outros três times garantidos nos Jogos de 2020 (Ágatha/Duda, Alison/Álvaro Filho e Evandro/Bruno Schmidt). E a dupla mostrou que segue como em 2019, muito regular e difícil de ser superada. Rebecca comentou a vontade do time em conquistar o tour nacional.

“Nós batemos na trave para sermos campeãs brasileiras na temporada passada, mas temos esse objetivo e adoramos jogar em João Pessoa. Não queríamos deixar de fora do calendário. Além disso, entramos em férias mais cedo que os demais times, não jogamos a etapa de Ribeirão Preto (SP), em novembro de 2019. Tínhamos a ideia de voltar antes, num ritmo que ainda não é o ideal, mas sem forçar, sabendo que vamos evoluir. Mas acho que nosso entrosamento forte, nossa química colaborou para alcançar a final. Mesmo que ainda tenhamos muito trabalho pela frente”, disse a defensora cearense.

Será o primeiro duelo entre os dois times, já que uma das formações finalistas é nova. Ana e Rebecca não perderam nenhum set nas cinco vitórias que conquistaram até aqui, enquanto Talita e Carol Solberg tiveram apenas um set perdido nos cinco jogos, durante a semifinal.


Gol Linhas Aéreas Nissan
Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade