Circuito Mundial

  • Crédito: FIVB

    Marco e Esteban erguem os seus troféus de campeões, no Catar.

Marco e Esteban Grimalt conquistam o ouro

Chilenos vencem o segundo torneio, do circuito mundial, em duas semanas
Por: Redação e assessorias/FIVB - 16/03/2019 14:10:34

Os chilenos Marco e Esteban Grimalt conquistaram a sua segunda medalha de ouro no circuito mundial de vôlei de praia em duas semanas, quando venceram os norte-americanos Phil Dalhausser e Nick Lucena na grande final do torneio 4 estrelas de Katara, em Doha, No Catar, neste sábado(16).

Os primos chilenos venceram por 2-0 (duplo 21-15) para conquistarem o seu primeiro ouro de um torneio de 4 estrelas, somando-se ao ouro do torneio 3 estrelas de Manly Beach, em Sydney, na Austrália no último domingo.

"Foram duas semanas loucas e estamos muito orgulhosos de nossa equipe, nossa família e nosso país", disse Esteban Grimalt. "Eu não tenho palavras para descrever nossos sentimentos agora", continuou o chileno.

“Quando começamos a turnê mundial, nove anos atrás, foi contra Dalhausser (e Todd Rogers) e agora muitos anos depois nós o derrotamos em uma final. É um sonho que se tornou realidade para nós, mas queremos mais e continuamos melhorando sempre”, finalizou.

Grande parte desta nova fase da dupla chilena se deve à influência do técnico brasileiro Paulo Moreira de Costa, mais conhecido como Paulão. Ele tem muitos anos de experiência como técnico no circuito mundial e agora está ajudando este time que fez sua estréia no Tour em 2011.

"Ele é um excelente treinador", disse Esteban. “Ele nos deu tantas idéias novas e nos dá muita informação antes de cada jogo. Por causa disso, estamos mais preparados antes de cada jogo. Ele faz parte do nosso time e é um sonho para todos nós”.

Para os norte-americanos Dalhausser e Lucena, a prata conquistada em Doha é a primeira desde o torneio 5 estrelas de Fort Lauderdale, em março de 2018. Os norte-americanos desfrutaram de um longo período de entressafra de medalhas e o torneio catariano foi seu primeiro torneio desde agosto de 2018. Eles voltaram ao seu melhor em Doha e antes da disputa pela medalha de ouro eles perderam apenas um set em cinco partidas.

Pablo Herrera e Adrian Gavira, da Espanha, conquistaram o bronze derrotando a dupla polonesa Grzegorz Fijalek e Michal Bryl. Os espanhóis venceram por 2-0 (21-17 e 22-20).

"Foi um jogo difícil", disse Gavira. “Estávamos na disputa da medalha de bronze, então acho que jogamos um bom torneio e muito, muito feliz por começar o ano assim. Agora temos uma semana de folga em casa e temos que comemorar com a família e os amigos e depois trabalhar duro".


Gol Linhas Aéreas Nissan
Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade