Circuito Brasileiro

  • Crédito: Divulgação/CBV

    Fernanda Berti luta pelo título da temporada 2018/2019, em João Pessoa.

Em João Pessoa, no feminino, oitavas de final definidas

Última etapa da temporada, João Pessoa tem suas melhores 16 duplas definidas
Por: Redação e assessorias/CBV - 11/04/2019 18:27:55

As oitavas de final do torneio feminino da etapa de João Pessoa (PB) foram definidas nesta quinta-feira (11.04), após a disputa de 26 jogos pela fase de grupos e repescagem. A etapa é a sétima e última da temporada 18/19 do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia, definindo os campeões gerais. A entrada é franca na arena montada na Praia de Cabo Branco, altura da Av. Monsenhor Odilon Coutinho e os jogos seguem até domingo (14.04).

Nesta sexta-feira (12.04), ocorrem os jogos das oitavas de final, a partir das 10h (veja todos os confrontos abaixo), além das quartas de final, começando às 14h40. Tudo com transmissão ao vivo de todas as quadras pelo site voleidepraiatv.cbv.com.br. Já as semifinais e disputas de ouro e bronze ocorrem no sábado (13.04), com as finais exibidas exclusivamente pelos canais SporTV.

Entre os 18 times que avançaram, seis saíram do primeiro dia invictos, com dois vitórias. Inclusive as duas duplas que, empatadas, lideram o ranking geral da temporada: Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ). Além delas, terminaram o dia invictas e em primeiro de suas chaves Ágatha/Duda (PR/SE), Tainá/Victoria (SE/MS), Carol Solberg/Maria Elisa (RJ) e Talita/Taiana (AL/CE).

Ana Patrícia comentou o bom começo da parceria em João Pessoa e destacou a adaptação ao vento, uma das marcas registadas da competição na capital paraibana.

“Conseguimos ter um bom início de torneio, sentimos a dificuldade do vento na primeira partida. Mesmo treinando aqui no Nordeste, em Fortaleza (CE), não é tão comum. Em João Pessoa é mais intenso. Mas conseguimos sair da situação difícil. E no segundo jogo, felizmente foi possível imprimir bem nosso ritmo. Daqui para frente é manter o foco alto. Nenhum jogo é fácil, mas a fase eliminatória é ainda mais complicada, pela pressão e importância que essa etapa também tem”, analisou Ana Patrícia.

Bárbara Seixas, campeã três vezes em João Pessoa, comentou o carinho recebido das arquibancadas. Ao final da segunda partida, a medalhista olímpica atendeu fãs, inclusive uma garota que estava emocionada por poder conversar com a carioca.

“É sensacional esse carinho dos torcedores. Estava agradecendo o apoio deles, que não fazem ideia de como é importante para nós receber essa energia. Fico muito feliz de ver os torcedores se identificando comigo dentro da quadra. Até nas redes sociais procuro sempre responder com carinho porque é uma energia positiva muito bacana. E João Pessoa é especial. Tem torcedores que curtem muito o vôlei de praia e é uma cidade muito tradicional para a modalidade. Temos que valorizar lugares como esse”, disse.

Para definição do título, são considerados os seis melhores resultados, descartando o pior desempenho na temporada. Com isso, Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) estão empatadas com 1.680 pontos. Logo em seguida estão Ágatha/Duda (PR/SE), com 1.600, e Maria Elisa/Carol Solberg (RJ), com 1.560.

Fernanda Berti/Bárbara Seixas e Ana Patrícia/Rebecca dependem de si, e quem terminar na frente, conquistando o troféu. Já Ágatha/Duda precisa terminar duas posições acima das duas adversárias, enquanto Maria/Carol precisa de uma combinação ainda maior de tropeço das rivais e corre por fora na disputa do troféu.

Dos 24 times, oito deram adeus nesta quinta-feira, ao serem eliminados na fase de grupos ou repescagem com duas derrotas. São eles Flávia Moura/Bárbara Ferreira (RJ), Fabrine/Pity (BA), Cris/Verena (SP/CE), Rosimeire Lima/Carolina Ferraris (AL/RJ), Solange/Eunyce (DF/AL), Thais/Teresa (RJ/CE), Naiana/Diana (CE/RJ) e Sandressa/Mayana (AL/TO).

O Circuito Brasileiro 18/19 conta com sete etapas, começando em setembro de 2018 e seguindo até abril deste ano. Na primeira etapa da temporada, disputada em Palmas (TO), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) ficaram com a medalha de ouro. Já na segunda parada, disputada no mês de outubro, em Vila Velha (ES), títulos para Guto/Saymon (RJ/MS) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ).

Em Campo Grande (MS), em novembro do ano passado, ouro de Pedro Solberg/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Ágatha/Duda (PR/SE). Já em janeiro deste ano, na retomada do tour em São Luís (MA), títulos para Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), e em Fortaleza (CE), ouro para Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Carol Solberg/Maria Elisa (RJ). Na etapa de Natal (RN), título para Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB).

Além das duplas campeãs de cada etapa, também existem os campeões gerais da temporada, somando a pontuação obtida nos sete eventos. A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos quase R$ 500 mil por etapa.

OITAVAS DE FINAL - TORNEIO FEMININO


Ágatha/Duda (PR/SE) x Thamela/Ingridh (ES/PR) - 10h


Josi/Neide (SC/AL) x Carol Horta/Ângela (CE/DF) - 10h


Tainá/Victoria (SE/MS) x Aline/Juliana Simões (SC/PR) - 10h


Talita/Taiana (AL/CE) x Rafaela/Jéssica (PA) - 10h


Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) x Hegê/Talita (CE) - 10h50


Carol Solberg/Maria Elisa (RJ) x Izabel/Thati (PA/PB) - 10h50


Juliana/Andressa (CE/PB) x Vivian/Vitória (PA/RJ) - 10h50


Fernanda Berti/Bárbara x Val/Érica Freitas (RJ/MG) - 10h50


Gol Linhas Aéreas Nissan
Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade